top of page

Medo de Fracassar

Maria descreve sua relação com a comida como um caso de amor e ódio. Comida é sua melhor amiga, sua companheira secreta, sua amada. Ela ama planejar momentos especiais com sua comida predileta—a caminho do trabalho, durante os intervalos, no horário do almoço, na volta para casa, na janta, e também na madrugada. Ela se delicia com cada mordida enquanto come. Porém, no momento em que a comida se acomoda em seu estomago, ela passa a odiá-la. Ela odeia o fato de que o seu apetite está fora do controle. Ela odeia se sentir estufada e três quilos mais pesada. Ela odeia ter fracassado em mais uma dieta. Ela sabe que tem que mudar seu modo de comer, mas tem medo de fracassar novamente.

Medo do Fracasso O medo de fracassar é o medo de não atingir um objetivo planejado. Medo de fracassar pode levar alguém a sabotar seus próprios esforços, a fim de evitar um fracasso maior, e podem impedir alguém até mesmo de tentar algo novo. Muitas pessoas têm medo de fracassar em alguma área de suas vidas. Mas o medo de fracassar às vezes se demonstra de maneira acentuada, tornando-se debilitante. Às vezes, esse medo é paralisador—impedindo que a pessoa siga em frente. Existem três características que contribuem para o medo do fracasso:

  1. Temor a homens;

  2. Perfeccionismo;

  3. Pessimismo.

Temor a Homens Temer a homens é buscar a aprovação de homens. Provérbios 29.25a afirma: “Quem teme ao homem arma ciladas”. O medo de se mostrar como um fracassado a outros controla e limita os pensamentos e ações da pessoa. Maria queria desesperadamente agradar seus parentes durante a reunião familiar de Natal. Ela queria mostrar a eles que perdeu o peso extra que havia ganhado desde que seus filhos nasceram. Ela se preocupava com o que eles iriam pensar ou dizer dela. Então, ela decidiu entrar em uma dieta drástica. Mas ela fracassou completamente em sua dieta e não perdeu peso. Daí, ela decidiu decide que iria mais à festa de Natal da família.

Perfeccionismo A essência do perfeccionismo é orgulho. Recusa-se a aceitar qualquer parâmetro que não seja a perfeição. Pessoas com essa mentalidade almejam objetivos exageradamente altos, lutam para não falharem, são sempre críticos de si mesmos e de outros que falham em atingir seus padrões. O medo de fracassar no perfeccionismo torna a pessoa inútil. Essa também é uma cilada, pois a Palavra de Deus nos ensina que “todos pecaram e carecem da glória de Deus” (Romanos 3.23). Maria marcou uma consulta com uma nutricionista. Na primeira consulta, Maria percebeu que a nutricionista era um pouco gordinha na cintura. Imediatamente, Maria se desligou de qualquer informação que lhe era passada e saiu da consulta determinada a nunca mais voltar. Ela, mais uma vez, temia não conseguir comer bem, pois a própria nutricionista não havia atingido suas expectativas.

Pessimismo Pessimismo é ter medo de que tudo que é desejável não acontecerá. Não há confiança sobre o futuro. Pessimistas veem desafios com a mentalidade do “copo meio vazio”. Eles se negam a acreditar no melhor e eliminam expectativas positivas. Isso é um problema sério que provém do coração. O salmista clamou, se perguntando: “Por que estás abatida, ó minha alma? Por que te perturbas dentro de mim?” (Salmo 42.5). A fé dele lutava contra seu medo. Havia um certo desespero sobre o futuro. Maria estava pessimista sobre a dieta que está fazendo. Ela não tinha qualquer confiança de que iria perder peso. Ela já tinha tentado tantos jeitos e dietas diferentes, e todas elas fracassaram. Ela pensava consigo mesma: “Por que essa dieta iria ser diferente? Vou fracassar nessa também”.

Vencendo o Medo do Fracasso Você luta contra o medo do fracasso como Maria? Vencer o medo do fracasso começa com reconhecer que ele existe. Exige-se coragem para admitir e encarar o seu medo de fracassar. Mas é preciso, também, explorar as causas desse medo. Será que seus medos estão enraizados no temor a homens, perfeccionismo ou pessimismo? A solução de Deus para o problema do medo do fracasso é confiar em Deus, gloriar-se em Deus e esperar em Deus.

Confie em Deus O temor a homens provém de desejos egocêntricos de ser importante diante dos olhos dos outros. Pessoas que temem a homens tem medo de fracassar em receber a aprovação dos outros, de ter que lidar com seus desapontamentos e perder sua credibilidade. Trata-se de uma fidelidade estranha que, por sua vez, é pecado. Quando pessoas são controladas pelo desejo de agradar outros, elas não estão agradando a Deus. Para sair dessa armadilha, é preciso colocar sua confiança em Deus. Provérbios 29.25 afirma que “o que confia no Senhor está seguro”. Confiar em Deus mantém as pessoas seguras das armadilhas do temor a homens. Confiar em Deus—e o seguir—os protege da preocupação com o que outros pensam ou dizem sobre elas.

Glorie-se em Deus Perfeccionismo é o medo de mostrar fraqueza ao não alcançar os padrões da perfeição. Isso é fundamentado no egocentrismo. Perfeccionismo promove auto-exaltação e auto-glorificação, que são pecado. A Bíblia ensina, “Se tenho de gloriar-me, gloriar-me-ei no que diz respeito à minha fraqueza… porque o poder de Deus se aperfeiçoa na minha fraqueza” (2 Coríntios 11.30; 12.9). O poder de Jesus Cristo habita naqueles que se gloriam em suas fraquezas ao invés de tentarem encobri-las.

Espere em Deus Pessimismo é uma escolha. O pessimista escolhe ver a vida de uma perspectiva sem esperança. Mas isso nega a onisciência e onipotência de Deus. O medo de fracassar implica que Deus não sabe o que está fazendo em sua vida, ou que ele não tem o poder de restaurá-la. Temer o fracasso demonstra falta de esperança em Deus. Contudo, textos, como o Salmo 42.5, nos encorajam: “Por que estás abatida, ó minha alma? Por que te perturbas dentro de mim? Espera em Deus, pois ainda o louvarei, a ele, meu auxílio e Deus meu”. O salmista desafia seu próprio pessimismo e escolhe colocar sua esperança em Deus. Maria reconheceu que ela temia a homens, que era perfeccionista e pessimista. Por meio da oração e de um grande desejo de buscar ao Senhor ao invés de focar em suas próprias vontades, seu coração começou a mudar. Quando a tentação vinha pela manhã, ela passou a escolher confiar em Deus ao invés de buscar a aprovação dos outros; ela escolheu se gloriar no Senhor ao invés de em seus próprios sucessos; ela escolheu esperar em Deus. Nossa maior esperança é encontrada em Jesus Cristo. O evangelho nos lembra que nossos fracassos não são uma surpresa para Deus. Ele usa os nossos fracassos para nos ensinar flexibilidade, humildade, paciência, perseverança, compaixão e persistência. Assim, nossos fracassos, quando entregues a Deus, nos ajudam a crescer conforme a imagem de Jesus Cristo. originalmente=">originalmente" publicado="publicado</a>" no="no" blog="blog" da="da" >Biblical=">Biblical" Counseling="Counseling" Coalition.="Coalition</a>." Tradução="Tradução" feita="feita" por="por" Lucas="Lucas" Sabatier.="Sabatier.">

5 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page